segunda-feira, 24 de julho de 2017

Moda para eles, sim!


Há quem classifique a moda feminina como mais “avançada” – e ampla - que a masculina. Porém, se olharmos um por “para trás”, na história, podemos ver e crer, que tudo foi bem diferente. A indumentária masculina sempre esteve à frente do tempo – e dos guarda-roupas femininos – embora não se pareça. Mas, com o passar dos tempos, a moda para homens sofreu algumas modificações. Nos anos 70 por exemplo, tudo era mais ousado, os homens usavam calças bocas de sino, camisas aveludadas, peles e até tamancos. Na década seguinte, surgiu uma explosão de cores e nos anos 90, as calças eram detonadas e os mais ousados vestiam looks na linha grunge. Nos anos 2000, a moda masculina aparece como uma efervescência de tudo o que já se foi visto. A alfaiataria se desconstrói e se mistura com o esporte, estampas se completam e a identidade do homem já não se faz mais ligada somente a alfaiataria. É a medida certa da identidade própria e de uma moda independente. GLAM mostra que é possível sim, fugir da seriedade e que se fazer moda masculina, com muito estilo!

Via: Mais Glam / Portal Revista Glam / George de Azevedo.

Camisas Colcci, usadas com trench coat de acervo pessoal.

Look total Dudalina



Camisa e gravata Dudalina, usado com trench coat Ellus e óculos Versace para Otica New Vision.

Look total Dudalina

 Camisa Dudalina, usada com jaqueta bomber Ellus e undewear Matersol.


FICHA TÉCNICA:
Direção de Moda: George Azevedo
Fotos: Pedro Fonseca
Styling: Matheus Henrique
Beleza: Anilson Knight (Salão Estilo B)
Modelo: Gutemberg Dantas (Trafégo Models)



Nenhum comentário:

Postar um comentário